Sábado, 30 de Agosto de 2008
VALDECIRA JULIANE

- Ah, Valdecira Juliane, para acalentar seu coração, em sinal de paz, trouxe-lhe uma rosa branca!

- Não está mais aqui quem chamou-lhe vaca.

- E perdôo-lhe pelo "fracassado".

- Que caralho tá havendo com as pessoas que ninguém mais se respeita?

- O amor nasce morto?

- Vende-se o amor nas prateleiras das lojas?

- Não pegamos mais na mão, não damos beijos de chegada, de partida... beijos de boa-noite!

- Não contamos mais estrelas, não elogiamos mais a lua... esquecemos os pores-do-sol!

- Não falamos mais "meu amor", "meu querido", minha querida"!

- Somos apenas pessoas tentando sobreviver diplomaticamente com nossos pares?

- O que vier é lucro?

- O resto é que se foda?

- Eu, Valdecira, quero confessar-lhe uma coisa: quero-lhe muitíssimo bem e tenho o maior prazer em ser seu companheiro... pro que der e vier!

- Mas não quero mais dormir com a faca embaixo do travesseiro.

- Nem fazer boletim de ocorrência em delegacia.

- Nem arrumar mala pra ir embora pelo menos 1 vez por mês.

- Eu peço arrego e vou hastear a bandeira branca no topo do meu coração cansado.

- E, esta noite, vou dormir com os 2 olhos bem fechados.
..
(Fonte: Texto - Autoria de TõeRoberto)
Post in Jampa/PB



Publicado por Antonio Medeiro às 04:24
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 20 de Agosto de 2008
KALIRA ROSE

- Ah, Kalira Rose, impossível recompor a nossa história!

- Bem que eu gostaria!

- Mas casais são fontes de mágoas, rancores... coisas mal resolvidas.

- Casais são aves caseiras.

- Perderam a capacidade de vôo.

- Casais são como répteis.

- Só se falam, de verdade, nas furnas do enfrentamento.

- Nos diários julgamentos das culpas.

- Na dor.

- Eu queria esquecer tudo.

- E queria recompor um pedacinho que fosse da nossa atribulada vida - coisas simples: a mão na mão, os olhos nos olhos, a palavra de carinho, os abraços ternos, os beijos ardentes... a libertina delícia dos nossos corpos em chama.

- Aquele nosso ficar deitados juntinhos, quietinhos observando pacientemente, à noite, a solidão das nossas vidas ir-se embora pela fresta da janela.

- Eu queria, Kalira, apagar os nossos erros e plantar em nossos olhos um brilho de felicidade!

- Uma pisca de consentimento!

- Um perdão!
..
(Fonte: Texto - Autoria de TõeRoberto)
Post in Jampa/PB



Publicado por Antonio Medeiro às 05:21
Link do post | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 15 de Janeiro de 2008
ERISÔNIA MARILYN

- Podia jurar que era Erisônia Marilyn que estava aos beijos na esquina da boate.  

- Alguma coisa doeu!  

- Entrou no primeiro bar que encontrou e bebeu até de madrugada.  

- Alma lavada, saiu pela rua cantarolando El Dia Que Me Quieras.  

- Ao longe o galo soltou a sua risada de deboche.

.

(Fonte: Texto - Autoria de TõeRoberto)
 Post in João Pessoa/PB



Publicado por Antonio Medeiro às 21:01
Link do post | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos

Amor de fato é pássaro, não carrapato.
Fevereiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


Posts recentes

VALDECIRA JULIANE

KALIRA ROSE

ERISÔNIA MARILYN

Arquivos

Fevereiro 2015

Dezembro 2014

Julho 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Pesquisar neste blog
 
Ult. comentários
"louco por amor" foi o que me passou pela cabeça!
por acaso é mesmo!mas só pra ver por fora :) hahah...
Bom dia. É um belo teatro, não é?
olabem, tá muito boa essa apresentação breve ao am...
"Se voce me amasse, você me amava." Diga-se, talv...
Mais comentados
1 comentário
1 comentário
Links
Tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds