Terça-feira, 26 de Abril de 2011
Lucidez

Não fui ao seu casamento porque eu não sou louco.

Eu era o noivo!!!



Publicado por Antonio Medeiro às 03:55
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 7 de Novembro de 2009
O casamento

6

Casar é um verbo maravilhoso.
Seus parentes próximos, então...
Juntar, conviver, viver, derreter, ferver, grudar, acasalar, abraçar, beijar, transar, alegrar, cantar, sorrir, gritar, suar, rolar, sublimar, respeitar, apaixonar, sussurrar, sonhar, deitar, voar, rolar, viajar, beber, fumar... amar.
Isso, ideia de hora de casamento.
A cabeça a 1000 aguardando Maria Luiza, o motivo de todos os bons verbos da língua portuguesa.
Uma nota de música; eu, na realidade.
Maria Luiza aparece na porta da igreja.
Suas asas de anjo não cabem no corredor, tem que erguê-las acima da cabeça dos sentados.
Estou a 5 cm do chão, leve como a pluma mais pluma.
Só a música, eu e as asas de Maria Luiza no ar.
O som do piano alcança o infinito.
E eu, mentalmente, digo sim.
Maria Luiza sorri, e o casamento está consumado.
A música perfeita:
"Eu sei que vou te amar..."


Música: Variada

Publicado por Antonio Medeiro às 09:15
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 29 de Outubro de 2009
Maria Luiza

3

Do nada, numa tarde sem rumo, ela apareceu.
Linda, cabelos ao vento, leve, precisa, perfeita.
Eu, sem rumo.
Ingrid Beatriz, minha última esposa, acabara de me encher o saco; sempre foi minha dona!
Um sorriso, um leve consentimento com a minha surpresa por tanta beleza... e bastou.
Apenas a linguagem dos olhos.
A cumplicidade dos que já se conhecem há anos.
E pronto!
A paixão escreve certo por linhas tortas.
E aqui estou, com todos os rumos do mundo nas mãos.
Escolhendo o terno para o meu casamento.


Música: Variada

Publicado por Antonio Medeiro às 08:57
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 20 de Outubro de 2009
Estou me casando novamente

1 

Queridos leitores do Diabo a 2:

Desde janeiro de 2008 faço aqui uma reflexão sobre   relacionamentos de casais.
Muitas vezes machistas, às vezes ácidas, bem-humoradas, reflexivas, idiotas,  inteligentes, burras, revolucionárias, libertárias... humanas.
Depois de 492 posts, haja assunto!, aconteceu algo inesperado em minha vida.
Depois de 4 casamentos, vou me casar de novo.
E então resolvi, não sei até quando, fazer um diário - não tão diário - da minha  relação com o meu novo amor.
Não sei a partir de que dia vou fazer isto e se vou conseguir fazer isto.
O assunto é pedra pura.
Ainda estou organizando a minha cabeça para mais uma maravilhosa revolução que é o  ato de conviver com uma pessoa nova, ou melhor, um amor novo.
Depois de assentar a poeira, vou com tudo.
Só espero que o meu novo amor entenda o que eu aprendi a entender.
Que o amor agora é tudo, amanhã...


Música: Variada

Publicado por Antonio Medeiro às 18:38
Link do post | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 21 de Julho de 2009
Udelcira Fernanda

Vou te confessar uma coisa, Udelcira!

Que falem!

Que eu fale!

Merda por merda!

Bosta por bosta!

Não existe coisa melhor do que mulher.

E quando a gente confessa uma coisa dessas é foda.

É mulher que aparece de todos os lados.

Pelo amor de Deus, senhoras, senhoritas, madames, sou um sujeito casado.

E muito bem casado!

Por favor!

Tirem essas ideias maravilhosas das suas cabeças.

E sofram por mim!

Desesperadamente!!!

Sem pudor!
.
TõeRoberto


Música: Variada

Publicado por Antonio Medeiro às 05:03
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 15 de Julho de 2009
Sinésia Cristine

Eu, particularmente, não sei como mulher aguenta, Sinésia!

Anos e anos de casada!

Anos e anos ali respeitando a legislação machista que diz que a mulher deve servir ao marido.

Com a perna aberta:

Fuc! Fuc! Fuc!

Ai! Ai! Ai!

Silêncio.

Bunda pra lá, bunda pra cá.

Ronco.

Outro dia.

Perna aberta:

Fuc! Fuc! Fuc!

Dá dó!

O troço é cruel.

Pra todo mundo!

Pras mulheres mais.

Homem enfia o pau em qualquer buraco.

Mulher, antes de tudo, quer se sentir amada, respeitada... desejada!

Fudeu!

Anos de casamento levam isso pro buraco.

O amor continua.

A libido...

E:

Fuc! Fuc! Fuc!

A vida se esvai.

Na frieza da falsidade dos ais!
.
TõeRoberto


Música: Variada

Publicado por Antonio Medeiro às 05:03
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 3 de Julho de 2009
Otacília Andréa

Sabe, Otacília, a maior merda da minha vida?

Foi ter me casado virgem.

Enquanto você não era virgem nem no buraco do brinco.

A merda?

Simples!

Pra mim você é a mulher mais gostosa do mundo.

Eu, o macho mais insosso do mundo.

Resultado:

Você é minha rainha, eu sou o seu corno!

E ainda dou risada!

E me acho o máximo!
.
TõeRoberto


Música: Variada

Publicado por Antonio Medeiro às 05:03
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 8 de Janeiro de 2009
VALCINEIDE SUZANNY

Benhê!

O que foi, Valcineide?

Se eu morrer você casa de novo?

Não!

Por que não, não foi bom comigo?

Foi!

Então por que você não casa?

Por você!

Por mim? Mas todo mundo casa quando fica viúvo! Acho que não foi bom comigo!

Foi...  foi muito bom!

Então?

Tá bom, então eu me caso!

Você vai dar as minhas joias pra ela?

Não, não vou, as joias são das crianças!

As minhas roupas?

Pra caridade!

A minha bicicleta ergométrica?

Minha!

E o meu carro?

Ela não dirige!

(...)

???!!!
.
TõeRoberto-adaptação de uma piada popular-post in jampa/pb


Música: Variada

Publicado por Antonio Medeiro às 05:03
Link do post | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 5 de Dezembro de 2008
PERÉLIA MIRANDA

As coisas andam tão difíceis, Perélia!

Estou montando um check-list com ações minhas que te agradam.

Só pra ver se as coisas melhoram entre nós.

Começando:

Botar o lixo pra fora.

Não esquecer o croissant de queijo.

O Sonho de Valsa.

Só beber na sexta-feira.

Ficar longe da Amelinha.

Não chegar tarde em casa.

Não esquecer o teu aniversário.

Nem o da tua mãe.

Dar um beijinho de manhã.

Outro beijinho à tarde.

Nunca esquecer do 'te amo' antes e depois da transa.

Discutir a nossa relação pelo menos 1 vez a cada 15 dias.

Não brincar com o Orkut/Msn.

Fazer o almoço no sábado e no domingo.

Ajudar no jantar todos os dias.

Jamais esquecer a data do nosso casamento.

Dizer que te adoro 13 vezes ao dia.

Fazer compras no shopping com você.

Entrar na academia pra perder a barriga.

Não assistir futebol.

Levantar cedo.

(...)

Esqueci alguma coisa?

Vamos fazer o seguinte:

Vou colar na porta da geladeira.

Conforme você for se lembrando de outras coisas, anote.

Espero que isto te faça feliz!

Porque eu também quero ser!
.

TõeRoberto-post in jampa/pb


Música: Ai que Saudade da Amélia - Ataulfo Alves

Publicado por Antonio Medeiro às 05:26
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 19 de Novembro de 2008
ZOALETE GÉLIA

Estamos, Zoalete, segundo dizem, no ano 2000 e alguma coisa D.C!

Não tenho a menor idéia de quantos foram A.C.

Mas de uma coisa eu tenho certeza.

A gente briga, mesmo sem falar nada, fazer nada, questionar nada há XY.000.000 de anos.

E vamos continuar no pau por mais XY.000.000 de anos.

E sabe por quê?

Somos animais e as leis naturais do instinto falam mais alto que nós.

O casamento é a coisa mais antinatural que existe!

Não nascemos para transar um parceiro só.

Viver uma vida só!

Somos da esbórnia!

Definitivamente sem-vergonhas!

Sócios do diabo!

Com a bênção de Deus!
.
TõeRoberto-post in jampa/pb


Música: Desculpe O Auê - Rita Lee

Publicado por Antonio Medeiro às 07:57
Link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos

Domingo, 16 de Novembro de 2008
WALLY FRIDA

Todos os dias, Wally, eu escrevo um troço para o nosso amor!

Acho que as pessoas já estão de saco cheio.

Mas eu não ligo!

Vou continuar batendo na mesma tecla.

A gente não precisa viver assim.

Eu escrevo porque o nosso amor é podre.

Alguém tem que alertar o mundo sobre isto.

Todos os dias é a mesma ladainha.

Deixe disso, deixe daquilo, você é isso, você é aquilo, isso pode, isso não pode.

O nosso amor não flui.

Não deslancha.

Parece que estamos com as mãos e os pés amarrados.

Os corações gelados.

As almas mutiladas de emoções.

Somos carcereiros de nós mesmos!

Eu preciso falar... e muito!

Amanhã escreverei de novo!

Um troço para o nosso amor.

Não posso fazer nada!

Se você não gostar, não leia!

Não tô nem aí!
.
(Fonte: Texto - Autoria de TõeRoberto)
Post in Jampa/PB


Música: É Preciso Saber Viver - Titãs

Publicado por Antonio Medeiro às 06:08
Link do post | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 14 de Novembro de 2008
TÉLIA DÁLIA

Não sei, Télia, se caso com você ou compro uma bicicleta.

Se caso com você ou compro um notebook

Se caso com você ou vou jantar no D.O.M!

Se caso com você ou viajo para a Europa!

As obscuras questões filosóficas relacionadas à felicidade me matam!

Me confundem!

E não sei se ando ou se paro, se fico ou se vou, se choro ou se rio, se me amarro ou me solto, se fecho todas as portas do mundo ou se abro.

E isto, graças a Deus, não tem nada a ver com você!

Minha lindinha!

Só com o casamento!

Está merda inexplicável!

Que fode com todo mundo!

Sem piedade!
.
(Fonte: Texto - Autoria de TõeRoberto)
Post in Jampa/PB


Música: Pra Quem Merece Amor - MPB4

Publicado por Antonio Medeiro às 04:47
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 10 de Novembro de 2008
PIOLINA SILVÉRIA

Eu achava, Piolina, que o casamento fosse um ato de liberdade!

Um costurar de peles, um caminhando ao lado do outro... eternamente juntos.

Um projeto de vida.

Um sonho de felicidade.

A simbiose perfeita.

Jamais pensei que, casando, eu fosse construir penitenciárias e solitárias.

E nem mesmo conjecturei me viciar em nãos.

O que aconteceu?

Hoje em dia não passamos de dois agentes penitenciários.

E a cada dia que passa os muros ficam mais altos.

As proibições aumentam.

A vigilância fica mais agressiva.

Os motins mais violentos.

E a vida mais chata.
.
(Fonte: Texto - Autoria de TõeRoberto)
Post in Jampa/PB


Música: Coisas Banais - Teresa Cristina

Publicado por Antonio Medeiro às 05:15
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 28 de Outubro de 2008
CANDÉLIA EUNICE

Vou, Candélia, lhe dar 2 opções!

1ª - Ou você toma 1 caixa de prozac de uma só vez.

2ª - Ou procura 1 padre e faz 1 exorcismo.

No jeito que está não dá!

A coisa anda feia!

Porra!

Esta semana já comprei 3 dúzias de pratos, 2 dúzias de copos e 2 dúzias de xícaras.

Sem contar 1 tv, 1 computador, 03 cadeiras e 2 óculos.

Agora me explique uma coisa: o que você tem contra telefones celulares!

Foram 7 em 7 dias!

Você endoideceu, mulher!

Tá com o diabo no corpo!

Já mastigou e engoliu o meu nome umas 300 vezes.

Rasgou a certidão de casamento.

Enfiou um X na nossa fotografia de recém-casados.

E agora se trancou no quarto.

Com 1 faca na mão.

2 copos de veneno.

E 1 FODA-SE!!! bem grande na boca!
.
(Fonte: Texto - Autoria de TõeRoberto)
Post in Jampa/PB


Música: Saigon - Emílio Santiago

Publicado por Antonio Medeiro às 05:29
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 28 de Setembro de 2008
YLIA MERCE

Ah, Ylia Merce, 1 doce pelo seu pensamento!

E se eu estiver nele, 2.

E se eu tiver futuro, 3.

E se você olhar e me sorrir, 4.

E se pegar na minha mão, 5.

E se me der um abraço, 6.

E se me sussurrar no ouvido, 7.

E se me fizer arrepiar, 8.

E se me der um beijo na boca, 9.

E se casar comigo, 10.

E se nada disso acontecer, 0.

Bem grande!
.
(Fonte: Texto - Autoria de TõeRoberto)
Post in Jampa/PB


Música: Samba Do Grande Amor - Chico Buarque

Publicado por Antonio Medeiro às 05:07
Link do post | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 11 de Fevereiro de 2008
WANSILÍVIA EUGÊNIA

- Ah, Wansilívia Eugênia, o dia do nosso casamento foi o dia mais feliz da minha vida!

- Foi um dia perfeito.

- Você, radiante; os amigos, presentes.

- Um sol lindo!

- A orquestra, um espetáculo à parte!

- Eu nunca mais vou me esquecer daquele dia!

- O dia do nosso casamento, Wansilívia,  foi o dia em que eu descobri a felicidade, mas aí já era tarde demais!
.
(Fonte: Texto - Autoria de TõeRoberto)
Post in João Pessoa/PB



Publicado por Antonio Medeiro às 06:49
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 4 de Fevereiro de 2008
RIVANDA ALÍCIA

- Ah, Rivanda Alícia, não fui ao teu casamento porque eu não sou louco!

- Eu, Rivanda, era o noivo!!!
.
(Fonte: Texto - Autoria de TõeRoberto)
Post in João Pessoa/PB



Publicado por Antonio Medeiro às 05:11
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Amor de fato é pássaro, não carrapato.
Fevereiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


Posts recentes

Lucidez

O casamento

Maria Luiza

Estou me casando novament...

Udelcira Fernanda

Sinésia Cristine

Otacília Andréa

Arquivos

Fevereiro 2015

Dezembro 2014

Julho 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Pesquisar neste blog
 
Ult. comentários
"louco por amor" foi o que me passou pela cabeça!
por acaso é mesmo!mas só pra ver por fora :) hahah...
Bom dia. É um belo teatro, não é?
olabem, tá muito boa essa apresentação breve ao am...
"Se voce me amasse, você me amava." Diga-se, talv...
Mais comentados
2 comentários
1 comentário
1 comentário
1 comentário
Links
Tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds