Sexta-feira, 11 de Abril de 2014
Ciúme

Ela jura que eu fiz.

Eu juro que não fiz.

Ela jura que eu fiz.

Eu juro que não fiz.

Ela...

Meu maior erro?

Foi não fazer.

TõeRoberto



Publicado por Antonio Medeiro às 21:19
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 14 de Março de 2014
Estigma

Ela nunca entendeu a extensão do meu amor sem amarras.

Me deixou porque tinha muita liberdade para ser feliz.

Não entendia amor sem ciúmes.

Amor sem posse.

Amor sem ranhuras.

Amor sem não.

Ela não entendia de amor.

Era só uma mulher perdida nos estigmas do seu coração.

TõeRoberto



Publicado por Antonio Medeiro às 20:53
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 3 de Janeiro de 2012
Abstração

Não teve jeito. 

Eu não pude amar aquela mulher. 

Era areia demais pro meu caminhãozinho. 

Sofri. 

Dei de fumar, de beber, não dormir. 

E passei a amá-la todas as noites do resto da minha vida na solidão do meu banheiro. 

Ela foi ficando tão abstrata, que jamais envelheceu... 

E nunca morreu. 

Nem quando o amor me enlouqueceu. 

TõeRoberto



Publicado por Antonio Medeiro às 17:46
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 21 de Maio de 2010
Escolha

Das duas, uma:

Ou ela, ou você.

Pensando bem... ela!

Você?

Já era!

De resto?

Haja merda!



Publicado por Antonio Medeiro às 10:29
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 1 de Novembro de 2009
Despedida de solteiro

4

Amigos?
Só pra tirar sarro!
Como um amigo pode organizar sarcasticamente uma despedida de solteiro para um infeliz/feliz que está indo pro quarto casamento?
Pode?
Não pode, mas fizeram.
Uma gostosa saindo de dentro de uma caixa.
Um strip-tease animal.
Peitos esfregando na minha cara.
Bebida pra nunca mais se esquecer.
Tudo nos conformes, mas uma sacanagem: rasparam os meus pentelhos.
E a noite se foi.
Um sujeito extremamente feliz deixando de ser solteiro pela quarta vez.
Mas feliz que um poodle quando o dono chega em casa.
Com um só nome na cabeça: Maria Luiza.
E quem quer ser solteiro com essa mulher no mundo?
Numa boa, meu amigo, que ela é minha!


Música: Variada

Publicado por Antonio Medeiro às 08:11
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 13 de Outubro de 2009
Mulher e fêmea

De fêmea, Marinha, entendo tudo!
De mulher, nada!
O que faço com você que é fêmea e é mulher e só entendo a sua metade?
Te divido em duas?
E vivo duas vidas?


Música: Variada

Publicado por Antonio Medeiro às 05:34
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 7 de Outubro de 2009
Não se mate!

Não seja ridícula, Nevinha!
Se matar por minha causa?
Deixe de ser besta, mulher!
O mundo tá cheio de macho.
O que anda em falta é homem.


Música: Variada

Publicado por Antonio Medeiro às 05:21
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 15 de Julho de 2009
Sinésia Cristine

Eu, particularmente, não sei como mulher aguenta, Sinésia!

Anos e anos de casada!

Anos e anos ali respeitando a legislação machista que diz que a mulher deve servir ao marido.

Com a perna aberta:

Fuc! Fuc! Fuc!

Ai! Ai! Ai!

Silêncio.

Bunda pra lá, bunda pra cá.

Ronco.

Outro dia.

Perna aberta:

Fuc! Fuc! Fuc!

Dá dó!

O troço é cruel.

Pra todo mundo!

Pras mulheres mais.

Homem enfia o pau em qualquer buraco.

Mulher, antes de tudo, quer se sentir amada, respeitada... desejada!

Fudeu!

Anos de casamento levam isso pro buraco.

O amor continua.

A libido...

E:

Fuc! Fuc! Fuc!

A vida se esvai.

Na frieza da falsidade dos ais!
.
TõeRoberto


Música: Variada

Publicado por Antonio Medeiro às 05:03
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 1 de Novembro de 2008
GENILZA ODETE

Eu poderia, Genilza, ficar aqui a noite toda te olhando... mas não posso!

Cacete!

Você é a M U L H E R!

E bota M U L H E R nisso!

Não tem jeito!

Tá decidido!

Você vai ser a mãe dos meus filhos.

De todos os 5 que eu pretendo ter.

E estou com certa urgência.

Então vai tirando a calcinha e encostando aqui.

Que o Júnior não vê a hora de nascer.
.
(Fonte: Texto - Autoria de TõeRoberto)
Post in Monteiro/PB


Música: A Cúmplice - Juca Chaves

Publicado por Antonio Medeiro às 11:33
Link do post | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 16 de Outubro de 2008
QUILMA MARGOT

Só uma coisa, Quilma, me entristece!

Ser xucro feito uma mula nos assuntos do amor.

Empacado, lerdo... babaca!

Eu só queria olhar nos seus olhos e dizer: porra, mulher, você é o máximo!

Linda, generosa, chique... a voz do meu coração!

Mas não!

Nem bilhete, nem e-mail... nem sinal de fumaça.

Nem um arrepio!

E, aos poucos, você vai escorrendo pelos vãos dos meus dedos.

E eu continuo na idade da pedra dos sentimentos.

Sentado sobre a estupidez da minha educação de macho.

Cagando de medo de lhe perder!
.
(Fonte: Texto - Autoria de TõeRoberto)
Post in Jampa/PB


Música: Jura Secreta - Simone

Publicado por Antonio Medeiro às 02:26
Link do post | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos

Domingo, 14 de Setembro de 2008
KUALINA LÉSIA

- Ah, Kualina Lésia, eu queria tanto que você se libertasse da sua condição de mulher!

- Mas, porra, como é difícil!

- O mundo inteiro tá querendo matar o patriarcado/machismo e você, vítima numerada na testa, o defende com o fio das suas garras.

- Não sei mais o que fazer!

- Acho que vou decretar: você, Kualina - minha companheira - está livre!

- Você é uma mulher livre, não de mim que nunca fui seu dono, mas da sua subserviência aos padrões masculinos.

- (...)

- Não, Kualina, eu não bebi!

- Nem estou doido!

- Nem deixei de lhe amar!

- E, por favor, não precisa se matar!

- (...)

- Tudo bem, volte pra sua cela!
.
(Fonte: Texto - Autoria de TõeRoberto)
Post in Jampa/PB


Música: De mais ninguém - Marisa Monte

Publicado por Antonio Medeiro às 05:18
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Amor de fato é pássaro, não carrapato.
Fevereiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


Posts recentes

Ciúme

Estigma

Abstração

Escolha

Despedida de solteiro

Mulher e fêmea

Não se mate!

Arquivos

Fevereiro 2015

Dezembro 2014

Julho 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Pesquisar neste blog
 
Ult. comentários
"louco por amor" foi o que me passou pela cabeça!
por acaso é mesmo!mas só pra ver por fora :) hahah...
Bom dia. É um belo teatro, não é?
olabem, tá muito boa essa apresentação breve ao am...
"Se voce me amasse, você me amava." Diga-se, talv...
Mais comentados
1 comentário
1 comentário
Links
Tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds